Fisco vai ter “dose de informação brutal” sobre as empresas

Directora-geral da Autoridade Tributária garante que informação recolhida com novas regras da Informação Empresarial Simplificada (IES) apenas será usada para detectar “padrões de incumprimento”.

A directora-geral da Autoridade Tributária (AT), Helena Borges, afirma que a informação que as empresas vão ter de passar a enviar ao Fisco para o pré-preenchimento da Informação Empresarial Simplificada (IES) vai dar ao Estado uma importante ferramenta para “detectar padrões de incumprimento”.

Em entrevista publicada esta quarta-feira no Jornal de Negócios, Helena Borges reconheceu que a AT vai recolher “uma dose de informação brutal” sobre as empresas, mas desvalorizou qualquer perigo na utilização desses dados para além do necessário para cumprir “a missão” de ir buscar receita, “mas apenas a receita que o legislador quis”.

Ver mais aqui!

Destaques
Notícias Recentes
Arquivo
Search By Tags
Nenhum tag.
Siga-nos
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon

© 2020 Garcia & Resende

  • Black Facebook Icon