Ligar para as Finanças passou a ser (muito) mais barato, sabia?

A Autoridade Tributária e Aduaneira desativou o antigo número de valor acrescentado (o 707 206 707) e substitui-o por outro da rede de Lisboa com custo de utilização significativamente mais baixo ou mesmo nulo, dependendo do plano tarifário do utente.

O número de telefone do Centro de Atendimento Telefónico (CAT) da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) mudou, mas o mais importante é que deixou de começar por 707 e passou a ser um número fixo normal. Isto significa que os contribuintes já não ter que pagar um valor acrescentado pela chamada quando precisarem de contactar a AT.

O antigo número do CAT da AT era 707 206 707. Tal como no caso de vários outros serviços e empresas que utilizam um número único (a começar por 707), ligar para este serviço de apoio significava pagar mais do que o normal para um número fixo.

Quando efetuada de uma rede fixa, a chamada custa 0,10 euros por minuto. Já no caso de redes móveis, o valor é 0,25 euros por minuto. A tarifação é feita ao segundo a partir do primeiro minuto, de acordo com a Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM). Parte do valor pago pela chamada é recebido pelo serviço ou empresa em questão.

O novo número do Centro de Atendimento Telefónico (CAT) da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) é o 217 206 707. Neste caso, o valor pago é o normal para redes fixas, dependendo da operadora e tarifário, sendo que neste momento várias empresas oferecem pacotes de chamadas gratuitas para redes fixas.

O número está disponível nos dias úteis, das 9H00 às 19H00 para a opção 1 (Serviços tributários) e das 09H00 às 12H30 e das 14H00 às 17H30 para a opção 2 (Serviços aduaneiros e impostos especiais de consumo).

Destaques
Notícias Recentes
Arquivo
Search By Tags
Nenhum tag.
Siga-nos
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon

© 2020 Garcia & Resende

  • Black Facebook Icon